Brasileiro’16: Fizemos a felicidade dos colorados e agora se acham importantes

30847820885_99f874ecc1_z

Sem cabeça para partida, Grêmio perde por 3 a 0 para o Sport, que vence pela primeira vez o Tricolor em Porto Alegre, após 22 jogos (18 vitórias gremistas e quatro empates). Foto: Lucas Uebel/Grêmio FPBA

O Grêmio perdeu precisos três pontos para o Sport, na derrota de 3 a 0 na noite desta segunda-feira (07) em partida realizada na Arena, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2016, e assim não entrou no G6, a zona de classificação da Copa Libertadores da América de 2017. A derrota inesperada prejudicou o time de Renato Portaluppi, que entra numa aposta perigosa de “tudo ou nada” para final da Copa do Brasil diante do Atlético Mineiro, a partir do dia 23.

O curioso da derrota do Tricolor, porém, foi ver a reação dos torcedores colorados, que imediatamente pensaram que o time “entregou” o jogo com intuito de prejudicar o Internacional. Chega a ser bonito ver os rivais se acharem mais importantes do que são de fato, mas não temos nenhuma relação do tradicional adversário brigar para não cair para Série B. Em nenhum momento a equipe gremista entregou a partida, apenas faltaram para vitória foco e elenco mais qualificado.

Primeiro tempo

30847819955_fb53776cce_z

Grêmio jogou bem coletivamente no primeiro tempo, Douglas se destacou, a defesa funcionava, menos o ataque com Pedro Rocha e Henrique Almeida. Foto: Lucas Uebel/Grêmio FPBA

No primeiro tempo, o Grêmio foi bem superior ao Sport, criou mais oportunidades, marcou em cima do time pernambucano e mais uma vez tivemos uma noite de bom futebol do meia Douglas. O problema do time de Renato é a falta de qualidade nas peças alternativas no setor ofensivo. Pedro Rocha, apesar de ser atacante, tem problemas claros num fundamento simples para alguém de sua posição: finalização. E Henrique Almeida mal apareceu na partida.

Até o fim da etapa inicial, a equipe gremista teve pelo menos quatro chances claras de gol contra uma dos visitantes. Até que aos 44 minutos, Diego Souza, mais uma vez, foi o diferencial para o Sport e fez, na entrada da área, um golaço no ângulo de Marcelo Grohe, que não teve nenhuma chance de evitar o pior. No fim, ambas as equipes foram aos vestiários com um placar justo, mas sem refletir o que foi de fato a partida.

Segundo tempo

30811392976_bcfbcb1356_z

Renato tentou mudar o panorama de ineficiência ofensiva do Grêmio, mexeu na volta do intervalo, mas não contava com gol de Rogério para o Sport no primeiro minuto do segundo tempo. Foto: Lucas Uebel/Grêmio FPBA

No retorno para o segundo tempo, Renato tentou fazer o time reagir, substituindo o apagado Henrique Almeida pelo jovem sul-africano, de 21 anos, Tyroane Sandows, além de promover a entrada de Batista no lugar de Negueba, que não foi expulso no fim do primeiro tempo por sorte, após entrada dura em Renê, já tendo um cartão amarelo assinalado pelo árbitro paraense Dewson Fernando Freitas da Silva.

Entretanto, a tentativa de reação orquestrada por Renato afundou logo no primeiro minuto da etapa final, com mais um golaço do Sport, desta vez marcado por Rogério, ao balançar as redes pela nona vez no Brasileirão, após pegar de primeira um cruzamento do colombiano Ruiz. O score de 2 a 0 praticamente tirou o ânimo de reação do Grêmio, em campo já com uma voltagem menor que o time pernambucano, pela presença na final da Copa do Brasil.

Mesmo assim, não foi apenas o foco que tirou a reação do Grêmio na partida, mas a limitação de elenco também. Sem titulares como Luan, por exemplo, somado ao cansaço natural de Douglas, o time praticamente desaparece. Problema que não mudará agora, mas precisa ser revisto pela diretoria no planejamento da temporada 2017, isso se quiser levar a sério o plano de conquistar o Tricampeonato da Libertadores.

Displicência e Diego Souza

30811392776_a7dbe1fa35_z

Diego Souza é a qualificação do Sport para se manter na Série A e uma pedida da torcida gremista para a próxima temporada; com dois gols, o meia chega à artilharia do Brasileirão. Foto: Lucas Uebel/Grêmio FPBA

Mesmo com a cabeça voltada para Copa do Brasil e pela carência técnica no elenco, é inadmissível o Grêmio ser presa fácil para um adversário que luta para não cair para Série B no próximo ano. Um gesto que serve de alerta e precisa ser cobrado pela comissão técnica e diretoria. Mas é preciso reconhecer que os visitantes tinham um jogador diferencial: Diego Souza. Um nome a ser considerado pela próxima diretoria de futebol na lista de reforços para 2017.

Diego Souza brilhou nos instantes finais da partida. Quase fez um golaço em um contra-ataque do Sport, em uma cavadinha que encobriu Marcelo Grohe; ele saiu para comemorar, certo das redes balançando, até ver a bola ser desviada pela trave esquerda com tom de crueldade. Aos 44 minutos, porém, o camisa 87 recebeu de novo a bola, livre de marcação, e desta vez não perdeu, ampliando o placar para 3 a 0, e chegando à artilharia do Brasileirão com 13 gols, ao lado de Fred, do Atlético Mineiro.

Entregou?

sport

Inter segue na zona de rebaixamento, se afunila contra o Sport, mas tudo isso por incompetência própria; os problemas do Beira-Rio não refletem na Arena, que espera ansiosamente pela final da Copa do Brasil. Imagem: Divulgação

Além da eleição presidencial do Internacional, decidida em votação do Conselho Deliberativo no Beira-Rio, enquanto a bola rolava na Arena, o assunto dos colorados será de que o Grêmio entregou a partida contra o Sport, agora na 14ª colocação, com 43 pontos. A ascensão dos pernambucanos isola o rival, com 38 pontos e figurante na zona de rebaixamento, na briga contra o Vitória, primeiro fora da degola, com 39 pontos.

É preciso respeitar o profissionalismo do Grêmio, assim como o mesmo cabe ao inverso para o Internacional. E quem assistiu à partida e não opina por meio de achismo, verá que o problema foi falta de qualidade no elenco, foco maior do Sport no duelo. Não é nossa culpa e nem responsabilidade do Grêmio o Inter brigar pela parte debaixo da tabela. Aliás, a torcida colorada pensar assim é bom, é sinal de que seguirá repetindo os erros para o próximo ano.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s