Atlético Mineiro na Arena será 8 ou 80: ou goleamos ou sofreremos

31091679031_2352d1ab58_z

Qual Atlético entrará na Arena: desorganizado ou motivado? Ou ambos? Foto: Bruno Cantini/Atlético Mineiro

Tentem esquecer a vantagem de 3 a 1 obtida na primeira final da Copa do Brasil realizada no Mineirão, em Belo Horizonte (MG), há uma semana. Teremos um de dois cenários plausíveis para a decisão na Arena, nesta quarta-feira (30): ou o Atlético Mineiro vem ainda mais desorganizado após a demissão do técnico Marcelo Oliveira e assim se tornado alvo fácil do nosso ataque; ou vem com postura mais compacta, concentrada e motivada para encarar essa segunda partida contra o Grêmio. E acredito na segunda hipótese.

 

Vale frisar que independentemente do que ocorra quando a bola rolar na Arena, a minha confiança no Penta da Copa do Brasil segue intacta. O Grêmio é um time coletivamente melhor que os mineiros, tem um sistema defensivo mais consolidado, deve se aproveitar das aberturas do adversário e marcar gols, o que deixaria ainda mais ingrata a tarefa do Atlético Mineiro vencer por dois gols de diferença para levar a decisão aos pênaltis ou três para levantar a taça após os 90 minutos.

Outro ponto, levantado pelo jornalista Diogo Olivier (matéria), da Zero Hora, é que o Grêmio jamais perdeu um mata-mata depois de abrir dois gols de vantagem no primeiro jogo. Foram 16 oportunidades que o Tricolor passou por essa situação e saiu triunfante no fim das contas. Claro que estatística não entra em campo, mesmo assim, temos um cenário favorável para levantar a primeira taça da Era Arena.

Mas sem delongas, vamos aos dois cenários que podemos projetar para partida de quarta-feira.

Cenário 1: Vamos golear

30384473864_8614b14db6_z

Autor do terceiro gol do Mineirão, Everton deve começar jogando na Arena. Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

É uma hipótese que considero a menos provável, mas pode ocorrer, até porque o Atlético Mineiro adotou uma tática muito arriscada para final: demitir um técnico dias antes de um jogo decisivo em busca de “motivação”. No dia seguinte à derrota de 3 a 1 no Mineirão, o presidente do clube, Daniel Nepomuceno, optou por cortar o vínculo de Marcelo Oliveira e designou o treinador da base Diogo Giacomini para comandar a equipe atleticana em Porto Alegre.

As consequências dessa decisão são uma incógnita, porém, há risco de darem muito errada, já que pelo bem ou pelo mal, Marcelo Oliveira era a liderança da casamata em um time de estrelas como Robinho e Lucas Pratto. Por outro lado, Nepomuceno chamou para si a responsabilidade de liderar o time, embora ele não seja presença na comissão técnica e tampouco estará nos gramados para orientar os atletas.

A escolha do Atlético Mineiro remete a uma ação que o Internacional fez às vésperas do Grenal 407, pelo Campeonato Brasileiro de 2015. A gestão do presidente Vitório Píffero demitiu o uruguaio Diego Aguirre do comando técnico, em busca de “fato novo” para motivar o time no clássico da Arena e escalou o auxiliar técnico Odair Hellmann para comandar o time. O resultado foi um coirmão engolido por um Grêmio organizado taticamente em campo e o resultado foi 5 a 0.

E, a exemplo daquele Inter, esse Atlético Mineiro também é um time desorganizado e fraco defensivamente.

Cenário 2: Vamos roer as unhas

31168295706_95ce818ba6_k

Arena do Grêmio deve bater novo recorde de público nesta quarta com 55 mil torcedores. Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

 

Bem, esse é o cenário que imagino para quarta-feira. Não que o Atlético Mineiro mudará radicalmente no ponto de vista tático sob o comando de Diogo Giacomini em uma semana, mas fica claro que Marcelo Oliveira não tinha o grupo de jogadores na mão. E isso ficou óbvio na entrevista coletiva do volante Rafael Carioca, ao criticar o técnico por não dar ao time uma organização tática que possibilitasse um equilíbrio ofensivo e defensivo à equipe.

Sem Marcelo Oliveira e sob dirigência próxima de Nepomuceno, os jogadores deverão mostrar um empenho consideravelmente maior em relação ao que vimos em Belo Horizonte. Ou seja, vão marcar mais, vão correr mais e estarão mais motivados, inclusive, por um clima de “já ganhou” da imprensa gaúcha, não compactuado pela direção, comissão técnica e jogadores gremistas. Por isso, acredito que será uma partida mais equilibrada no Humaitá, mais dramática e mais difícil para o time de Renato Portaluppi.

Um exemplo que ilustra esse cenário vem das semifinais da Copa do Brasil, inclusive, um contexto bastante semelhante. O Grêmio deu um banho de bola no Cruzeiro no mesmo Mineirão, venceu por 2 a 0, e na Arena teve um jogo bem mais tenso com um placar de 0 a 0. A única diferença entre o duelo do Cruzeiro com o do Atlético Mineiro é que desta vez, a tendência é de gols em Porto Alegre, pelo poderio ofensivo e pela maior vulnerabilidade da defesa do Galo.

Prováveis escalações

30985946305_8080013ddb_z

Renato não tem grandes problemas para escalar o time da final. Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Sem Pedro Rocha, expulso no Mineirão após fazer dois gols, Renato deve manter praticamente o mesmo time com o acréscimo de Everton no ataque. Portanto, o Grêmio deve entrar em campo com Marcelo Grohe; Edílson, Pedro Geromel, Kannemann e Marcelo Oliveira; Walace, Maicon, Ramiro, Douglas e Pedro Rocha; Everton.

31184005826_7b6c091e04_z

Diogo Giacomini tem duas opções: esquema com três volantes ou três meias. Foto: Bruno Cantini/Atlético Mineiro

Pelo lado do Atlético Mineiro, a incógnita é maior. O técnico Diogo Giacomini pode optar por uma formação com três volantes, a fim de evitar a porteira aberta para o ataque gremista. Dessa forma, o Galo pode ser formado por Victor; Marcos Rocha, Erazo, Gabriel e Fábio Santos; Leandro Donizete, Júnior Urso, Rafael Carioca, Maicosuel e Robinho; Lucas Pratto.

No entanto, com retorno do meia-atacante Luan, não relacionado na partida no Mineirão por conta de um edema na panturrilha direita, Diogo Giacomini pode também partir para o tudo ou nada na Arena, por meio da formação com Victor; Marcos Rocha, Erazo, Gabriel e Fábio Santos; Leandro Donizete, Júnior Urso, Luan, Maicosuel e Robinho; Lucas Pratto.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s